Follow by Email

quarta-feira, 28 de novembro de 2007

Existe o certo,o errado e todo o resto







O amor é certo, o ódio é errado e o resto é uma montanha de outros sentimentos, uma solidão gigantesca, muita confusão, desassossego, saudades cortantes, necessidade de afeto e urgências sexuais que não se adaptam às regras do bom comportamento.


Há bilhetes guardados no fundo das gavetas que contariam outra versão da nossa história, caso viessem a público.


Todo o resto é o que nos assombra: as escolhas não feitas, os beijos não dados, as decisões não tomadas, os mandamentos a que não obedecemos, ou a que obedecemos bem demais - a troco de que fomos tão bonzinhos?


Há o certo, o errado e aquilo que nos dá medo, que nos atrai, que nos sufoca, que nos entorpece. Todo o resto nada tem a ver com nossos reducionismos: é nossa fome por idéias novas, é nosso rosto que se transforma com o tempo, são nossas cicatrizes de estimação, nossos erros e desilusões.


Todo o resto é muito mais vasto. É nossa porra-louquice, nossa ausência de certezas, nossos silêncios inquisidores, a pureza e a inocência que se mantêm vivas dentro de nós, mas que ninguém percebe só porque crescemos. A maturidade é um álibi frágil. Seguimos com uma alma de criança que finge saber direitinho tudo o que deve ser feito, mas que no fundo entende muito pouco sobre as engrenagens do mundo.


Todo o resto é tudo que ninguém aplaude e ninguém vaia, porque ninguém vê.


( Martha Medeiros )






Estou aqui na reta final do ano letivo e já sentindo o gostinho das férias...embora não vá viajar, vai ser bom descansar.


De novidade, só o regime que comecei hoje para perder 3kg (1 é de reserva) para ficar BELA no vestido que vou usar em um casamento dia 14 de dezembro...que ainda não é o meu.rsrsrsr.


Ainda não consegui parar de fumar.AFF...nem tentei Aff ²!




Bal 2


Nenhum comentário: